25 junho 2014

Se não tem deveres, não tem direitos

Toda sociedade é permeada de direitos e deveres. Os dois estão interligados - não existem direitos sem deveres, e vice-versa. Não adianta clamar por direitos se os deveres não são cumpridos, muito menos lembrados. É fácil cobrar os outros, difícil é ser cobrado e estar sob pressão.


Law, por Geoffrey Whiteway


Aliás, antes de cobrar, devemos estar prontos para sermos cobrados. Para ser respeitado é necessário respeitar. É como no emprego: trabalha-se antes para ganhar o salário depois (salvo exceções). Não se colhe antes de plantar, o resultado não vem antes do esforço. Querer direitos antes de cumprir deveres chega a ser algo até infantil.

E quais são nossos deveres? É algo difícil de explicar, já que nem todo mundo entende de lei, mas deveria ter noção da sociedade em que vive, pelo menos. Vamos sair um pouco da área jurídica e vamos pra área social e usar o famoso bom-senso. Não sei o que aconteceu com ele, mas muitas pessoas estão esquecendo de usá-lo, criando situações deveras embaraçosas.

Se eu fosse numerar o que eu considero por dever, acho que o primeiro seria cuidar da própria higiene. É uma questão de saúde pública, ninguém é obrigado a aguentar o mal cheiro do outro, além da transmissão de doenças. Isso é um exemplo. Não posso interferir na vida de uma pessoa, assim como ela não pode interferir na minha. Convenhamos que estar com mal cheiro é extremamente desagradável. Não é questão de estar cheirosinho, mas pelo menos não estar fedendo a ponto de causar náuseas.

Outro dever das pessoas é ser educada. Sei que isso é subjetivo que chega a ser relativo. Convenhamos, é possível perceber quando a pessoa quer ser gentil ou quando ela quer ser agressiva. Então usar como desculpa que é a pessoa é bruta perde o sentido. Eu vejo pessoas "delicadas" serem tão agressivas quanto pessoas "brutas". Há pessoas que comportamento mais grosseiro que são verdadeiros lordes tamanha a educação.

Muitos foram a favor da restrição do uso do cigarro. Mesmo que seja direito da pessoa fumar, ela tem o dever de não incomodar os outros. É basicamente isso. Aproveito para convidar você a refletir sobre seus deveres perante a sociedade. Se as pessoas pretendem viver coletivamente, devem aprender a abrir não de algumas coisas em nome desse coletivo.

Brigar por direitos é moda na sociedade hoje. Mas muitos ignoram que não adianta todos terem direitos se ninguém tem deveres. E não é uma pessoa que vai lembrar isso, é a própria vida. E poderá não ser muito agradável...